Arquivo da tag: devi

Mandalas e significados

O significado literal de Mandalas pode ser simples, pois significa circulo. Porém uma mandala pode ser bem complexa e cheia de significados. A palavra em si vem do sânscrito e podemos dizer que a utilização das primeiras mandalas teve origem no Tibet, por volta de VIII, auxiliando na meditação. No oriente o seu significado tem a ver com a representação do sagrado. Na china, por exemplo temos o Yin / Yang dentro de um mesmo círculo também considerado uma mandala.

Nos Yantras Indianos, nos Thankas Tibetanos ou ainda nos vitrais famosos de catedrais Católicas. Esses círculos ou mandalas são repletos de muitos simbolismos e representatividades, e estão presentes em várias culturas e para várias finalidades.

Mas, pode-se dizer que o significado principal da mandala é a “totalidade” e “completude do universo”. É o símbolo da “integração e harmonia” isso porque possui forma circular com entrelaçamentos completos em todo seu redor, sem começo, meio ou fim.

”Deus é uma Esfera cujo centro está em toda parte, embora Suas circunferências não O delimitem em parte alguma”. Nicolau de Cusa.

Representando a harmonia do universo, com influencias benéficas, ela auxilia muito na meditação e na busca pela concentração.

A estrutura básica de uma mandala é  um círculo com formas dispostas a partir do seu centro. As mandalas ainda podem ter outros símbolos em seu desenho, potencializando assim os seus objetivos.

 

Principais símbolos e seus significados usados na construção de uma mandala

Círculo: forma inicial capaz de criar um campo vibracional. Transmitindo energia.

Triangulo: Sabedoria e perfeição. Ajuda na busca espiritual.

Quadrado: Organização e estabilidade. Transmite a sensação dos segurança formado pelos quatro pilares.

Pentagrama: Energia leve e renovadora, sempre ligado a transformação.

Hexágono: Busca pelo ambiente familiar e harmonioso.

Curvas: Usado para ativar o lado emocional do ser. Mas se for um desenho em espiral tem a ver com cura e vitalidade, sentido de vida.

Cruz: representa o eixo do mundo, lado racional.

Rodas: significa o movimento e fenômenos cósmicos, muito intuitivo.

Sol: Vitalidade, energia, abundância da felicidade e do amor.

Flores: auxilia a ativação dos chacras.

 

As Mandalas e a natureza

Estamos rodeados de mandalas, o tempo todo. A forma circular é algo que encontramos facilmente na natureza.

Podemos considerar as flores como lindas mandalas coloridas com um centro vital e diversas formas e desenhos ao seu redor. Observe um girassol, um hibisco, uma margarida. Em todos as mesmas composições representadas de formas diferentes, cada uma com sua simetria e impressão.

 

 

 

Observe as frutas vegetais cortadas:

limão, laranja, melancia, tomates… todos são um desenho de mandalas.

Lindas e naturais!

E assim podemos visualizar as mandalas em vários lugares seja vinda da natureza ou construídas pelos homens.

 

 

Podemos vê-las como manifestações plásticas visuais, uma forma geométrica composta, ou formas da natureza, porém em todas as aplicações temos a sensação de Unidade e Totalidade. Por isso sua capacidade de influenciar tudo e todos ao seu redor.

Escolha uma mandala para usar:  Roupas com Mandalas

Na coleção da Devi temos muitas mandalas: Mandala Om que auxilia na conexão com a Natureza nos momentos meditativos. A mandala da Felicidade representado por um lindo Sol cheio de esperança e vitalidade. A Mandala Renovação que auxilia na ativação dos chacras e movimento da vida.

Mandala da Felicidade

São várias mandalas em regatas, camisetinhas, blusas e inclusive nas estampas que usamos na coleção.

Então, Clique aqui e escolha a mandala que você mais gosta para usar no seu dia dia ou para potencializar a sua prática do Yoga.

Namaste

Do que preciso pra praticar?

Principais materiais para a prática do yoga

O Yoga indica o caminho da transformação e da expansão corporal e da consciência em todos os aspectos da sua vida.

Pra iniciar a prática do Yoga seja na sua casa ou num estúdio de Yoga, o ideal é que você possua  alguns principais itens:

Tapetinho de Yoga ou Mat – é muito importante que você tenha seu próprio tapetinho, desta forma ele torna-se seu templo itinerante.

É nele que você se conecta consigo, com o espaço e com o mundo. O seu Mat ou Tapetinho é o espaço da prática onde você concentra, relaxa e medita.  Conserve-o limpo e tenha sempre à sua disposição para a  prática no estúdio ou em casa.

Almofadinha Yoganidra Almofadinha para peso nos olhos, feita de

material natural, com aromas e/ou perfumes essenciais, que ajudam no relaxamento. Deve-se pesar entre 150 a 200 gramas sendo esse peso suficiente para apoiar sobre as pálpebras delicadamente sem desconforto. Como fica em contato com os olhos e pálpebras, mesmo que fechadas por questões de

higiene o ideal é que você possua sua almofadinha própria.

Você pode perfumá-la com óleos essenciais e desta forma aplicar um pouco de Aromoterapia na finalização das aulas de Yoga, ou até mesmo num simples relaxamento em casa ou no estúdio.

Veja os óleos indicados para seu perfil e para seu objetivo e aplique na almofadinha.

 

Bolsa Mat – Para guardar seu material de Yoga o mais indicado é uma bolsa especifica com as medidas e proporções do tapetinho. Onde você poderá guardar ainda sua almofadinha Yoganidra e uma toalhinha. Evite guardar seu tapetinho ou Mat úmido e nunca coloque objetos pontiagudos que possam danificar o material do seu Mat (tapetinho). Se você carregar uma garrafinha de água procure não deixar em contato com o mat, evitando o contato com a umidade. o ideal são bolsas longas e com compartimento externo para outros materiais.

 

Com esses materiais você poderá ir à qualquer prática em qualquer estúdio, evento ou na sua casa.

Então prepare-se e inicie!

Veja em nossa loja virtual outros materiais que podem lhe auxiliar na prática .

https://ofertas.devi.com.br/do-que-preciso-para-praticar-yoga

Boa prática _/\_

Namaste

Yoga para Iniciantes

Iniciando no Yoga! Dicas simples:

O Yoga ou a Yoga é uma prática que alia físico com o mental e o espiritual. Por esses motivos possui uma longa lista de benefícios. Pode-se  praticar através dos Asanas ou posturas e com mantras ou meditações.

Os benefícios do Yoga são inúmeros:

Além da melhora física da flexibilidade, equilíbrio, postura, condição motora se praticado vigorosamente alia também força a consciência corporal. O Yoga também promove trabalha as questões emocionais como o alivio de stress, melhora na autoestima, da autoconsciência, capacidade de concentração entre outros…

Essa lista pode ficar enorme se sua prática  for frequente e algumas se estender além do tapetinho.

Em primeiro lugar você precisa definir qual seu objetivo, e onde você vai praticar.

O ideal é sempre ter a ajuda de um professor qualificado e poder contar com suas indicações ou contra indicações. Para isso procure um Studio pra iniciar essa jornada.

Os principais materiais para iniciar a prática são: o Tapetinhos de Yoga ou o Mat, uma Roupa confortável mas que permita os movimentos e ao mesmo tempo lhe proporcione segurança.

Algumas posturas benéficas você pode começar fazendo em casa. Mas lembre-se faça tudo com calma e pausadamente, não force nem insista caso sinta desconforto. E principalmente respire em cada Asana ou postura.

Abaixo uma sequência simples pra você iniciar.

E permita-se experimentar e conhecer o seu corpo e como ele reage a cada nova postura.

1 – Postura de Lótus (para meditação) e iniciar a prática, sente-se por alguns instantes.

2 – Postura da Montanha (Tadasana)

a) Braços estendidos

b) Braços esticado sobre a cabeça

3 – Flexão de corpo  (Uttanasana)

a) Coluna curva pra encostar mãos nos dedos do pé.

b) Coluna retas pra desencostando dos pés

4 – Postura da Cobra (Bhujangasana)  – olhando à frente

5 – Postura do Cachorro (Adho Mukha ) – olhe na direção dos pés

6 –  Flexão de corpo  (Uttanasana)

a) Coluna curva pra encostar mãos nos dedos do pé.

b) Coluna retas pra desencostando dos pés

7 – Postura da Montanha (Tadasana)

a) Braços estendidos

b) Braços esticado sobre a cabeça

Surya namaskar para iniciantes

 

Conheça as lindas camisetas com motivos de Yoga com suryas, mandalas, ganesha… entre outros

Experimente!

E curta o Yoga!

Postura do Herói – Virabhadrasana                        Na foto nossa Embaixadora Devi Mirjam Wagner

Ser mulher- Dia internacional da mulher

Mulher… como é ser mulher atualmente?

Como pode-se atuar em tantos diversos cenários da vida? Como se destacar… ou simplesmente conseguir fazer….

A lista de tarefas é imensa, de um lado ou de outro.

Então se buscarmos definições  vamos encontrar por exemplo no latim

“mulĭer, ou  mulher é uma pessoa do sexo feminino. Trata-se de um termo que se utiliza em contraste ao homem, conceito que nomeia o ser humano do sexo masculino”

Ou ainda,

“ mamífero primata, fêmea, bípede, sociável, que, tal como o homem, se distingue de todos os outros animais pela faculdade da linguagem verbal e pelo superior desenvolvimento intelectual e se distingue do homem pela capacidade de engravidar; ser humano do sexo feminino”

Ou,

“pessoa do sexo feminino depois da puberdade, pessoa adulta do sexo feminino”

Ou,

Mãe, esposa, namorada, filha, amiga, advogada, professora, vendedora, médica, enfermeira,  enfim…

Várias são as definições algumas científicas e outras não, várias também são as funções algumas muito antigas e outras nem tanto. Mas o que percebesse que apesar de todas as diferenças e desigualdades que ainda existam, muitos são os papéis das mulheres e cada vez diversifica-se mais.

Seja no âmbito social, seja no âmbito profissional ou familiar a visão, a atenção ou a percepção da mulher são diferenciais, pode vir de uma mãe, de uma irmã, de uma esposa, de uma companheira, de uma namorada, de uma amiga, de uma conhecida… são imprescindíveis.

Por isso, Mulheres são imprescindível ao mundo! Homens também! Todos os seres! Assim como toda a natureza!

Dê o devido valor a sua Vida!

Somente você tem esse poder!

 “Seja forte e firme sem ser rígida seja você.”

namaste

“Alegre seu jardim para meditação e ainda ajude na preservação das espécies” por Juliana Labre

Saiba como criar jardins amigos dos pássaros e desfrute de mais cores e alegria no seu dia-a-dia.

O contato com a natureza pode ser muito benéfico para a nossa saúde, ajudando a combater o estresse, a depressão e a ansiedade. Que tal desfrutar desses benefícios sem precisar viajar para longe e ainda oferecer suporte à outras espécies?

Aqui estão cinco passos para a criação de jardins ecológicos que podem lhe trazer bem-estar e atrair os pássaros para pertinho de você.

  • Plante árvores frutíferas nativas da sua região.

As aves, assim como nós, têm necessidade de buscar abrigo para descansar, dormir e construírem seus ninhos. Árvores e arbustos irão fornecer esses recursos, além de oferecer alimento. O ideal é escolher espécies com período de frutificação diferente para que eles possam encontrar alimento durante todo o ano.

  • Opte por quintais gramados ao invés de cimentados.

Estes espaços irão abrigar pequenos invertebrados, como minhocas, que serão alimento para várias espécies de aves. Uma opção é deixar um espaço sem aparar a grama até que ela dê flores e frutos. As sementes produzidas serão muito atrativas para espécies que se alimentam de grãos, como o canário-da-terra.

Foto: Juliana Labre

3) Prepare canteiros de flores.

Mesmo quem não possui muito espaço pode abraçar essa ideia criando pequenos canteiros na varanda. O ideal neste caso é priorizar flores com néctar, que irão atrair aves como beija-flores e cambacica. É possível ainda cobrir o muro com plantas trepadeiras ou criar jardins verticais. O importante é aproveitar ao máximo cada espaço disponível.

  • Forneça água.

Água corrente é uma excelente opção e os beija-flores adoram tomar banho em meio a água que cai dos chafarizes. Mas, um simples recipiente ou pia batismal com no máximo 4 cm de profundidade já são suficientes para que as aves entrem e se banhem. É muito importante que o local seja mantido limpo e a água fresca para evitar a proliferação de doenças e larvas de mosquito.

Foto: Centro de Estudos Ornitológicos.

  • Ofereça material e locais para a construção dos ninhos.

As aves, assim como muitas pessoas, também buscam encontrar um (a) parceiro (a) ideal para ter filhos. Elas se dedicam a isto especialmente no início da primavera. Assim, você pode ajudar deixando raminhos, fibras e restos de folhas num cantinho do jardim, que servirão de matéria-prima para a construção dos ninhos. Outra opção é oferecer caixas para ninho, que irão decorar o seu jardim e te darão a oportunidade de acompanhar, de uma distância discreta, lindas cenas da nova família de inquilinos. As dimensões das caixas irão variar de acordo com o tamanho das espécies e podem ser construídas com materiais como madeira, cabaça e bambu. É muito importante que sejam instaladas num local seguro, protegidas de animais que possam se alimentar dos ovos ou caçar os filhotes. Você pode encontrar mais informações no site do Centro de Estudos Ornitológicos da USP (www.ceo.org.br).

 

Uma vez que você tornou sua casa mais segura e atrativa para as aves é só esperar até que elas descubram e venham aproveitar. Você irá se surpreender com a variedade de espécies e comportamentos que as aves em vida livre irão te mostrar!

Vamos lá!

 

Juliana Labre

Bióloga - fundadora e coordenadora do Projeto "Serve the Birds"

www.facebook.com/servethebirds

 

Bibliografia:

Figueiredo, L. F. A. Plantas que atraem aves. Centro de Estudos Ornitológicos. 2ª edição. 2001. Disponível em www.ceo.org.br. Acesso em: 08.2017.

“O equilíbrio do homem e o da natureza caminham de mãos dadas” por Juliana Labre

Uma reflexão sobre nosso papel para ajudar a preservar a natureza.

Quando o assunto é conservação da natureza muitas vezes surge um distanciamento entre as pessoas e o tema abordado. No ritmo da sociedade em que vivemos geralmente não nos damos conta no próprio dia-a-dia do quanto a natureza nos auxilia, nos ensina e nos sustenta.

A água parece brotar da torneira, os alimentos das prateleiras do supermercado, a temperatura regulada pelos aparelhos de ar condicionado e nossos lixos parecem desaparecer no caminhão de coleta. No entanto, nada disso é real. A verdade é que a natureza fornece suporte para a nossa vida e, dentro

Foto: Juliana Labre

dela, cada ser, por menor que seja, desempenha um papel fundamental. Os pássaros, por exemplo, ao se alimentarem de frutos, dispersam sementes contribuindo assim para a manutenção do ambiente que os sustentam. E você? Já parou para refletir sobre o papel que vem desempenhando ao seu redor?

Conservação da natureza não é um assunto a ser tratado apenas por pesquisadores, em livros e documentários. Se a natureza nos nutre de tantas forma, nada mais justo e inteligente do que nos relacionarmos com ela com todo cuidado e respeito merecido, trazendo mais consciência pra nossas ações no dia-a-dia. Não estamos separados da natureza e dos outros seres. Não devemos pensar que o problema é exclusivamente dos outros, mas sim de todos nós.

Compartilhe conosco sua forma de ajudar a equilibrar nossa vida em meio nosso ecossistema… Deixe sua idéia em nossos comentários….a Natureza agradece.

Juliana Labre

Bióloga - fundadora e coordenadora do Projeto "Serve the Birds"

www.facebook.com/servethebirds

Quer praticar yoga e não sabe por onde começar? por Ana Paula Linhares

Algumas dicas podem te ajudar a chegar mais tranquilo para sua primeira aula

por Yogadelic

Praticar yoga não é apenas fazer posturas mirabolantes, na verdade, toda a fundamentação desta prática está sobre exercícios de respiração e meditação. Mais que um exercício físico, o yoga pode ajudar a observar o lado espiritual da vida de uma forma amigável, convidando a olhar de frente as situações desafiantes e resolvê-las com disposição.

O que deve ser entendido antes de praticar yoga?

É muito importante refletir sobre alguns temas quando se decide iniciar aulas de yoga. Se você nunca teve contato com essa filosofia antes a dica é ter muita paciência. Existem diversos nomes e termos em sânscrito e com certeza seu professor vai usar alguns deles durante a aula. Paciência! Dia após dia, com calma e amor, você vai se familiarizar com a prática e todos os termos – inclusive pode pedir para o seu professor trazer as terminologias em português para que interaja mais facilmente.

É natural se sentir perdido com tantos movimentos casados com respiração ao começar a praticar yoga, mas aos poucos esse entendimento vai sendo absorvido durante as aulas e lá pela quarta ou quinta aula já será super natural conciliar tanta informação.

Se prepare para alongar – e muito –  o corpo, mas trabalhe sempre dentro do seu limite, evitando assim dores e lesões. Acompanhe a aula, os movimentos e respirações de acordo com o seu corpo consegue. Só o ultrapasse quando tiver seguro de sua prática e conhecendo até onde pode explorar.

É de extrema importância que você mantenha foco tanto nos seus movimentos quanto na sua respiração. Você pode encontrar algumas dificuldades no início, mas você deve sempre ir tentando e alcançando mais força e equilíbrio. Não esqueça que a prática leva à evolução!

 

Meditação como medicação

A meditação também vai ser compreendida aos poucos e não é preciso se desesperar para fazer tudo perfeito em poucas aulas. Cada coisa no seu devido tempo. Afinal, o Yoga é uma prática de mais de cinco mil anos de existência e temos um longo caminho a ser desbravado nessa jornada de autoconhecimento.

Manter uma rotina para se acostumar com a atividade é essencial. Busque praticar yoga pelo menos duas vezes na semana juntamente com outros exercícios que poderão te ajudar no fortalecimento muscular e alongamento.

Se atentar para a alimentação adequada também é um ponto que irá te ajudar a absorver melhor o conteúdo e desfrutar melhor da sua prática. Lembre-se de comer algo com até uma hora e meia de antecedência, esvaziar bexiga e intestino e dormir bem para estar descansado e disposto a uma imersão mais profunda. Escolha sempre refeições leves. Durante a prática de yoga existem muitas posturas que trabalham órgãos internos e outras que trazem a cabeça para baixo. Isso pode fazer com que você se senta mal durante a prática. _/\_

 

Ana Paula Linhares é Embaixadora Devi e está a frente do Yogadelic. 

Quer saber mais sobre Yoga acompanhe também o www.yogadelic.com.br

Observando a natureza e aprendendo sobre os valores da vida

Observar a natureza pode nos trazer diversos ensinamentos.

O simples ato de observá-la já ajuda a frear a nossa mente quase sempre tão agitada. E ali estamos: apenas um observador, livre dos julgamentos e ritmos acelerados. Nos tornamos mais calmos, contemplativos, e assim permitimos que a mente repouse e recupere sua clareza, ficando mais fácil ver as coisas como realmente são.

Ao nos permitirmos observar, navegamos entre cores, formas, cheiros e sensações que nos nutrem e nos tornam mais gratos pelas infinitas possibilidades e partilhas que o universo nos traz. Aos poucos, ficamos mais atentos aos pequenos prazeres do dia-a-dia, que preenchem nossa vida de alegria e contentamento.

Você já parou para observar a natureza hoje? Pode ser a cor do céu, o formato das nuvens, os pássaros voando, o mar, o jardim da sua casa ou uma única árvore na cidade. Não importa a dimensão. Observar a natureza por alguns minutos ao dia pode ser surpreendentemente benéfico e te ensinar grandes valores de vida!

Juliana Labre

(Bióloga – fundadora e diretora do Projeto Serve the Birds)

www.facebook.com/projetoservethebirds

 

Juliana Labre é formada em biologia e concluiu o mestrado em ciências ambientais e florestais na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Na Universidade Federal do Rio de Janeiro obteve também o diploma de pós-graduação em meio ambiente. Desde então, vem se dedicando com muita paixão à conservação da natureza. Atualmente, é idealizadora e coordenadora do Projeto "Serve the Birds" - servindo aos pássaros, que busca promover a conservação de aves em ambiente natural e estimular, principalmente através da observação de pássaros, a conexão com a natureza e o interesse pela conservação.  

Criatividade Infinita por Thais Joy

Vida é criatividade.

A mesma energia e consciência que faz o sol e as estrelas nascerem flui através e em você. Criatividade é seu direito de nascença mas você precisa escolher estar com ela. Este é um planeta de livre-arbítrio e nós podemos resistir nossos dons. Esta tem sido a norma mas é tempo de despertar. •
Criatividade vem em diferentes formas de expressão. Criatividade é a forma como a vida se sustenta. E você pode escolher como expressa a sua energia criativa de tantas formas e suprimi-la não é mais uma opção em tempos de transição global. •

Afirmações para a Criatividade infinita • • • • • • • • •

Eu sou a criatividade em todas as formas. Eu sou criatividade infinita. Todo o meu ser é criatividade. Meu coração é criatividade. Minha mente é criativa. Minha mente e todas as suas camadas, da inconsciência a consciência superior é criativa. Minha mente é criatividade em si mesma. Minha vida é criatividade e eu sou um com a força criadora do universo. Minha criatividade é infinita porque eu sou infinita. Minha imaginação é um universo. Minha imaginação é um portal para explorar muitas novas percepções de conceber. Eu sou essa capacidade de explorar novas formas e oportunidades de expressão criativa. Criatividade é uma escolha. Eu escolho criatividade e ativo o artista em meu interior. Criatividade é prioridade na minha vida. A partir da minha criatividade eu inspiro a transformação no mundo. Novas ideias fluem graciosamente através de mim. A criatividade está em todos os lugares. Eu dou permissão a mim mesma de ser criativa. Eu sei que criatividade é uma antítese do perfeccionismo. Eu sou perfeitamente imperfeita em todas as minhas manifestações criativas. Eu busco a imperfeição e assim eu permito novas formas de criar livremente fora das limitações do meu ego. Criatividade com liberdade através da arte, do movimento, da comunicação, do toque, dos pensamentos, da dança. Exploro todos esses canais de criatividade através de mim. Estou aberta.

🌴 #criatividade #creation #creativity #sublime #openness #abertura #pnl #mindset #naturelovers #naturezaperfeita #yogateacher #yogadance

 

Confira o WORKSHOP ACROYOGA E CACAU DANCE com Thais Joy

A DEVI APOIA ESSE EVENTODevi Yoga Wear é parceira do portal Yogadelic e queremos, juntos, contar que a galera de…

Publicado por Devi active yogawear em Domingo, 30 de julho de 2017

Parceria “Devi Yogawear” e Projeto “Serve the Birds”

A parceria entre a Devi Yogawear e Projeto serve the Birds – servindo aos pássaros, surgiu da vontade de colocarmos em práticas ações em prol da natureza através de atos de Yoga com amor. Enquanto a DEVI se inspira e busca disseminar filosofias de vida que proporcionem o crescimento interior e a valorização da qualidade de vida e saúde das pessoas e assim desenvolver seus produtos, o Projeto Serve the Birds busca aplicar conceitos milenares na conservação de outros seres: Os Pássaros. No entanto, para conservar precisamos proteger e assim todo o ecossistema em que ele está inserido, seja as florestas, campos, banhados, árvores, e todos os lugares que eles habitam, influenciando diretamente na saúde e na conservação de todas as outras espécies que compõem esses ambientes inclusive nós.

Com essa parceria vamos unir forças em prol de informar a todos como se reeducar diante da nossa natureza. Passando dicas, curiosidades e ações simples que ajudam à proteger os pássaros e o meio em que vivem.

Pequenas mudanças no nosso cotidiano, algumas ações simples e acima de tudo verdadeiras expressões de respeito e amor.

Junte-se a nós nessa causa! E nos ajude a servir esses pequenos e tão lindos seres.

“Que todos os seres, em todos os mundos, sejam felizes e bem-aventurados.”

Namastê!